Dica de Filosofia

paraestudarDica de Filosofia – Concepções filosóficas sobre o papel dos sentidos no processo de conhecimento. Caiu no Enem.

Textos dos filósofos René Descartes (1596-1650) e David Hume (1711-1776) demonstram que os autores se posicionam sobre a natureza do conhecimento humano. A comparação dos excertos
permite assumir que Descartes e Hume “atribuem diferentes lugares ao papel dos sentidos no processo de obtenção do conhecimento”. Trata-se de opiniões divergentes: para Descartes, os sentidos não são confiáveis, a formação do
conhecimento humano vem da razão; já para Hume, os sentidos determinam o conhecimento e as “impressões” são mais fortes que pensamentos e ideias.

Leia os textos-referência

Texto I

Experimentei algumas vezes que os sentidos eram enganosos, e é de prudência nunca se fiar inteiramente em quem já nos enganou uma vez.

DESCARTES, Rene. Meditações e Metafísicas. São Paulo: Abril Cultural, 1979.

Texto II

Sempre que alimentarmos alguma suspeita de que uma ideia esteja sendo empregada sem nenhum significado, precisaremos apenas indagar: de que impressão deriva esta suposta ideia? E se for impossível atribuir-lhe qualquer impressão sensorial, isso
servirá para confirmar nossa suspeita.

HUME, D. Uma investigação sobre o entendimento. São Paulo: Unesp, 2004 [adaptado].

supletivoIUB

Esta entrada foi publicada em Para Estudar e marcada com a tag , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *